Card image
Testes
Triumph Scrambler 1200XC: Aventura à moda antiga

7 Minutos de leitura

  • Publicado: 23/05/2020
  • Por: Willian Teixeira

A nova linha Scrambler 1200 da Triumph abre um novo leque de opções para os amantes das motocicletas aventureiras. Tecnologia e componentes de última geração com alto desempenho no asfalto e na terra.

Texto: Alexandre Nogueira
Edição: Willian Teixeira
Fotos: Gustavo Epifânio

Nos últimos cinco anos houve um aumento repentino e significativo de motocicletas no segmento das clássicas modernas e, atualmente, os modelos Scrambler caíram no gosto dos motociclistas. Cada fabricante quer marcar presença nesse segmento, mas a inglesa Triumph é uma das pioneiras no investimento pesado para criar a gama mais completa de motos e assim ficar um passo adiante, unindo o melhor dos dois mundos, com design de linhas clássicas e muita tecnologia embarcada.

A linha Scrambler tem motores de 900 e de 1.200 cilindradas, sempre com a famosa configuração de motor dois cilindros em linha. Eu já havia testado todos os modelos da linha Modern Classic da Triumph, mas estava curioso para passar alguns dias livres em poder de uma dessas clássicas aventureiras para experimentar esse universo, liguei em nome da MOTOCICLISMO para a assessoria de imprensa solicitando com urgência uma Scrambler 1200 e prontamente fui atendido.

Prazerosa: passear com a Scrambler 1200 XC foi uma experiência incrível

Muitas alterações

É impossível negar que a Triumph conseguiu fazer um ótimo trabalho em termos de estilo. A Scrambler 1200 XC parece a moto com a qual Steve McQueen competia em provas de motocross, mas com farol em vez do number plate. Suas linhas retrô, combinadas com a grande roda dianteira de 21 polegadas e o escape alto lateral fazem o puro estilo da época em que o ator norte-americano acelerava as motos inglesas. A nova Scrambler tem visual único e imponente e, somados a isso as suspensões de longo curso (200 mm) e uma boa distância do solo proporcionam uma forte presença onde quer que ela transite ou desfile.

A modernidade e a tecnologia podem ser notadas também visualmente, com a iluminação full LED que valoriza o apelo clássico geral desta Scrambler 1200, cujo nível de qualidade dos detalhes é impressionante. O ajuste das peças e o acabamento são impecáveis e a qualidade de para-lamas e tampas laterais em alumínio escovado proporciona uma finalização ímpar.

Esportividade: o visual aventureiro camufla o potencial esportivo

Tecnológica

A Triumph Scrambler 1200 XC é carregada com uma grande quantidade de gadgets. Ela vem equipada com embreagem assistida e deslizante, acelerador eletrônico ride-by-wire, ignição sem chave (keyless), tomada de carregamento USB e punhos retroiluminados. Um dos principais destaques desta Scrambler 1200 XC é o novo conjunto de instrumentos TFT, que é ajustável e possui dois temas que podem ser facilmente personalizados. Os tamanhos das fontes e a maneira como as informações são exibidas são excelentes. Arrisco dizer que este painel é um dos melhores do mundo do motociclismo.

Triumph Scrambler 1200XC
Painel no modo Quartz é bem bonito e melhor para passear

Este painel também abriga duas grandes novidades, como a navegação passo a passo do Google e a integração com as câmeras da Go-Pro. Enquanto o primeiro permite que você percorra uma cidade com sua fácil navegação curva a curva, o último ajuda a capturar imagens e vídeos sem tirar as mãos do guidão. A Triumph Scrambler 1200 XC vem equipada com sistema ABS nos freios, controle de tração e cinco modos de pilotagem – Road, Rain, Sport, Off-road e um modo personalizável pelo piloto, User. Ela não dispõem do modo off-road pro, como na versão XE, mas ele pode ser experimentado personalizando o modo do piloto, o que é uma tarefa fácil, graças ao joystick do punho esquerdo.

Triumph Scrambler 1200XC
Conjunto sofisticado e muito harmonioso

A Triumph Scrambler 1200 XC é equipada com um motor de dois cilindros paralelos de 1.200 cm³ que produz 90 cavalos de potência a 7.400 rpm e 11 kgf.m de torque máximo a 3.950 rpm. A usina é acoplada a uma caixa de seis velocidades de engates suaves e de bom escalonamento. Este motor conhecido por seu elevado torque em baixas rotações é derivado da Thruxton 1200. Ostenta uma curva de torque bem plana, o que faz sentir o torque abundante a maior parte do tempo. A faixa intermediária de rotações também é fantástica na tocada. As respostas do acelerador são suaves, porém incisivas.

Mesma genética

Embora a primeira impressão seja um pouco estranha pelo tamanho avantajado e pela agilidade e reações um pouco mais lentas, leva um pouco de tempo para se acostumar com a máquina. O guidão largo proporciona uma postura de pilotagem neutra, e a inclusão de tecnologia de segurança tornou a vida mais fácil, principalmente com o controle de tração. A altura do assento pode incomodar os mais baixinhos, mas o encaixe estreito do assento com o tanque facilita a vida para colocar os pés no chão.

Triumph Scrambler 1200XC
Desempenho: a ciclística é perfeita para passear ou para uma tocada radical no asfalto e na terra

O peso é bem equilibrado, e em nenhum momento me senti desconfortável, principalmente nas estradas de terra esburacadas do litoral norte, onde moro e conheço bastante. Os pneus Metzeler Tourance oferecem ótima aderência no asfalto e fora dele. Infelizmente, a Scrambler 1200 XC não tem para-brisas e em altas velocidades realmente se faz bastante esforço para se segurar no guidão da máquina.

Triumph Scrambler 1200XC
O modo Chronos deixa o conta-giros mais visível para a tocada radical

Mas antes de seguir para a rodovia, provavelmente você terá que percorrer o tráfego da cidade, e isso revela o maior problema das Scrambler 1200, o calor insuportável que o escapamento exala sob a coxa direita. O escape de aço inoxidável é lindo e parece excelente, mas o aquecimento chega a queimar, tornando os passeios na cidade e no trânsito caótico praticamente impossíveis.

Triumph Scrambler 1200XC
O punho esquerdo comporta o joystick para as configurações eletrônicas

A Scrambler 1200 XC também brilha no bom asfalto. Mesmo com a roda de 21 polegadas na frente, ela se saiu muito bem nas curvas. A desenvoltura da motocicleta nas inúmeras curvas das serras da rodovia Rio-Santos até a cidade de São Sebastião impressionou, chegando ao ponto das pedaleiras rasparem naturalmente e sem o menor esforço, tornando o passeio surpreendentemente emocionante e seguro.

Triumph Scrambler 1200XC
O botão para acordar a fera no punho direito e de home do menu

Outro quesito que merece elogios são os freios de alta especificação da Brembo, com pinças radiais M50 que têm pegada, bom tato e progressividade, tanto na terra como no asfalto. A Triumph Scrambler 1200 XC tem preço de R$ 55.990, justo pelo que oferece. As virtudes desta máquina são muitas, mas o principal ponto negativo, se você for utilizá-la no dia a dia, é o calor do escape – neste caso, você vai precisar inventar alguma traquitana para não se queimar.

Triumph Scrambler 1200XC
Duplo amortecedor Öhlins atrás, totalmente ajustável
Triumph Scrambler 1200XC
Assento estreito facilita o apoio dos pés no chão
Triumph Scrambler 1200XC
O escapamento elevado é a grande identidade da Scrambler
Triumph Scrambler 1200XC
Iluminação é full LED

NÚMEROS DO DINAMÔMETRO
Potência máxima: 76,30 cv a 6.890 rpm
Torque máximo: 9,81 kgf.m a 4.750 rpm
(Resultados obtidos no dinamômetro de rolo inercial Servitec modelo 2010, do centro técnico da revista MOTOCICLISMO)

O motor de 1200 cilindradas de dois cilindros paralelos da Triumph tem torque abundante e entusiasma desde o momento da partida. As duas primeiras marchas bem curtas podem assustar, por isso é bom escolher o modo de pilotagem mais adequado.

Triumph Scrambler 1200XC
Balança em alumínio e pneus sem câmara

DADOS DE FÁBRICA
MOTOR
Tipo: Bicilíndrico em linha
Arrefecimento: A líquido
Válvulas: 8 SOHC
Alimentação: Injeção eletrônica
Cilindrada: 1200 cm³
Diâmetro x curso do pistão: 97,6 x 80 mm
Taxa de compressão: 11,1:1
Potência máxima: 90 cv a 7.400 rpm
Torque máximo: 11 kgf.m a 3.950 rpm

TRANSMISSÃO
Embreagem: Multidisco banhada em óleo
Câmbio: Manual, 6 velocidades
Secundária: Por corrente

CHASSI
Tipo: Berço duplo de aço
Balança: Duplo braço em alumínio
Cáster/trail: nd/121 mm

SUSPENSÃO
Dianteira: Garfo telescópico invertido
Barras: 45 mm
Curso: 200 mm
Regulagens: Pré-carga, compressão e retorno
Traseira: Duplo amortecedor
Curso: 200 mm
Regulagens: Pré-carga, compressão e retorno

FREIOS
Dianteiro: Discos de 320 mm
Pinça: Radial de 4 pistões
Traseiro: Disco de 255 mm
Pinça: 2 pistões

PNEUS
Modelo: Metzeler Tourance
Dianteiro: 90/90 – 21
Traseiro: 150/70- 17

MEDIDAS
Comprimento: 2.325 mm
Largura: 840 mm
Entre-eixos: 1.530 mm
Altura do assento: 840 mm
Distância mínima do solo: 280 mm
Capacidade do tanque: 16 litros
Peso (em ordem de marcha): 225 kg
Capacidade máxima de carga: 198 kg

PREÇO: R$ 55.590 (em 22/05/2020)

Conclusão: por Alexandre Nogueira

A Triumph Scrambler 1200 XC é uma motocicleta excitante, no visual e no desempenho, tanto no asfalto como na terra. Ela é muito divertida e proporciona uma tocada empolgante, com derrapadas controladas e potência de sobra para enfrentar qualquer solicitação.

DNA aventureiro: Quando o asfalto acaba, ela se transforma numa legítima aventureira sem hesitar

Nas rodovias ela cansa em alta velocidade porque não tem proteção contra o vento, mas suas retomadas e conforto se sobressaem e fazem você esquecer o resto. A combinação de cores torna a motocicleta exclusiva e sofisticada e o apelo aventureiro impõem respeito. Com certeza ela é a motocicleta da vez para o piloto raiz e sem frescura.