Testes
  • 26/09/2020
Copa Pro Honda CBR 650R, das ruas para as pistas

A nova CBR 650R é um dos principais lançamentos feitos pela Honda nos últimos tempos. E logo de cara ela remete à esportividade, pois seu design é totalmente inspirado na “irmã” CBR 1000RR Fireblade, de 1000 cm³. Seu motor é um quatro cilindros em linha de 649 cm³ que rendem 88,4 cv a 11.500 rpm e 6,13 kgf.m de toque em 8.000 giros. Ele teve pistões e câmaras de combustão redesenhados, além do comando DOHC reprojetado para “melhorar seu caráter”.

A CBR 650R ganhou novas caixas de ar com mais capacidade, enquanto os coletores de escape foram aumentados para atender a nova demanda de torque e potência, além de recursos tecnológicos como ABS, controle de tração HSTC (Honda Selectable Torque Control) e embreagem assistida e deslizante.

  • Conheça a moto da Copa Pro Honda CBR 650R
  • Conheça a moto da Copa Pro Honda CBR 650R
  • Conheça a moto da Copa Pro Honda CBR 650R

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

E como toda boa esportiva, essa moto não nasceu para ficar fora das pistas, tanto que uma das novidades do campeonato de 2020 do SuperBike Brasil é a nova Copa Pro Honda CBR 650R, categoria monomarca de incentivo à motovelocidade que chega para ocupar o lugar da Copa Honda CBR 500R.

A Copa Pro Honda CBR 650R conta com Rafael Paschoalin como embaixador e é uma das maiores em número de pilotos inscritos. Todos os pilotos contam com o mesmo tipo de equipamento, o que dá maior igualdade nas disputas. E nosso editor, Ismael Baubeta, esteve no autódromo de Interlagos para avaliar e comparar a performance das duas motos. Confira no vídeo:

Você pode ler o teste completo na MOTOCICLISMO 273, disponível em formato físico ou digital!