Card image
Notícias
Yamaha R3 tem novas cores e grafismos na linha 2021

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 03/08/2020
  • Por: Ismael Baubeta

A Yamaha R3 foi a moto esportiva mais vendida no país em 2019, emplacou, segundo a Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), com 1.477 unidades, 417 unidades a mais do que a Kawasaki Ninja 400, que acumulou com 1.060 motos lacradas no mesmo período. Constatação concreta do sucesso da pequena esportiva japonesa no país.

O espectro de virtudes da Yamaha R3 de 2020 continuam no modelo 2021. O motor de dois cilindros, 321 cm³, oito válvulas e refrigeração líquida é o mesmo, rende 42 cv a 10.750 rpm e 3 kgf.m a 9.000 rpm de potência e torque respectivamente. Os japoneses não mexeram nas configurações do motor da R3 que tem respostas rápidas e ótimo desempenho.

Yamaha R3
A identificação com o layout da equipe oficial da MotoGP a deixa mais chamativa (Divulgação)

Veja também:
Yamaha MT-15 ganha edição especial na Tailândia
Honda prepara CBR 400RR para combater Ninja ZX-25R
Suzuki GSX-R 125: a menor esportiva da família

A Yamaha R3 prata remete à R1, a esportiva topo de linha da marca (Divulgação)

As melhorias feitas para o modelo 2020 da Yamaha R3 foram na ergonomia, com nova posição do guidão (mais baixo), tanque mais estreito e nova carenagem, mais aerodinâmica e em consonância com as esportivas da marca de 600 cm³ (R6) e 1.000 cm³ (R1). Painel 100% digital com melhor leitura e iluminação em LED completam o pacote de mudanças estéticas.

Além do tradicional azul da Yamaha, ela ganhou detalhes em prata (Divulgação)

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Mecanicamente a Yamaha instalou no chassi tipo Diamond, garfos dianteiros invertidos, mais eficientes do que os convencionais de 2018, melhorando o conjunto e estabilidade da R3 em qualquer tocada, com eles também aumentou o conforto. Os freios também não foram alterados, na dianteira o disco de 298 mm é mordido por pinça de dois pistões e atrás o disco de 220 e pinça de um pistão dão conta de frear a moto, ambos são assistidos pelo sistema ABS antitravamento.

Além do tradicional azul da marca japonesa e da Monster Edition (nas cores da MotoGP, a Yamaha R3 2021 se destaca com a nova cor prata, que remete ao padrão da “irmã maior” R1. Para quem gosta de motos carenadas e de estilo esportivo a R3 é uma ótima opção, com ela é possível rodar pelo trânsito no dia a dia, e ainda se divertir em trackday, mas para montar nesta esportiva da Yamaha você vai ter que desembolsar pelo menos R$ 26.490 (sem frete), preço sugerido de venda para a R3. Caso seu coração bata mais forte pela versão com as cores da equipe da MotoGP, esse valor ganha um incremento de R$ 500, para R$ 26.990 (também sem frete). Qual a sua escolha?