Card image
Notícias
Triumph lança Tiger Sport 660 e entra em novo segmento

4 Minutos de leitura

  • Publicado: 05/10/2021
  • Por: Ismael Baubeta

A Triumph mostrou a Tiger Sport 660, uma moto com vocação estradeira, ou crossover como elas são conhecidas, que inaugura a jornada da Triumph neste segmento de média cilindrada.

A Triumph Tiger 660 tem a mesma base técnica da Trident 660, que foi lançada há poucos meses. As mudanças mais significativas foram feitas para adaptá-la à nova proposta de utilização.

Tiger Sport 660
A Tiger Sport 660 tem linhas marcantes e alguns componentes mais simples. (Foto: Divulgação)

Veja também:
Z650RS amplia gama de clássicas modernas da Kawasaki
Ducati confirma aventureira DesertX para linha 2022
Suzuki GSX-S 1000GT: conheça a nova sport-touring japonesa

Design

As linhas do desenho da Tiger Sport 660 lembram de certa forma as da antiga Tiger Sport 1050, claro, bem mais modernas e arrojadas, com mais ângulos espalhados pelas carenagens, mas seguindo o mesmo conceito.

Os dois faróis da Tiger 660 são estreitos e estão dispostos em formato de V, dando cara de moto brava. A carenagem frontal tem uma entrada de ar entre os faróis e duas passagens de ar laterais. Fecha o conjunto dianteiro um generoso para-brisa deve proteger bastante o corpo dos seus ocupantes.

Triumph
Há uma clara identidade com a antiga Tiger Sport 1050, questão de proposta.
Triumph

A Triumph optou por manter a pequena ponteira do escape da Triumph Sport 660 sob o motor, deixando o conjunto sóbrio e compacto. O banco tem dois níveis e parece bastante largo para oferecer conforto durante as viagens mais longas. Sua altura do chão é de 835 mm.

Mesmo motor

O motor, como não poderia deixar de ser, é o tradicional três cilindros inglês de 660 cmᵌ, 12 válvulas com comando DOHC e refrigeração líquida, capaz de gerar 81 cv a 10.250 rpm e 6,5 kgf.m a 6.250 rpm de potência e torque máximos respectivamente.

O acelerador desta Triumph é eletrônico do tipo ride by wire e o motor tem dois modos de potência, Road e Rain, controle de tração e ABS completam a eletrônica embarcada.

Triumph
Conjunto promete bom nível de conforto e agilidade na pilotagem.

A ciclística

O chassi é do tipo perimetral de treliça em aço, como na Trident, mas o subchassi foi aumentado e reforçado exatamente para atender a proposta de viajar com garupa e bagagem. Outra mudança ciclística para atender a proposta foi a alteração da balança da suspensão traseira em alumínio, que ficou um pouco mais longa do que na naked.

A suspensão dianteira tem garfos invertidos Showa (SFF) de 41 mm de diâmetro com funções hidráulicas de compressão e de retorno separadas e reguláveis. Atrás o monoamortecedor, também Showa e só tem regulagem na pré-carga da mola.

parceiros

As rodas são de 17 polegadas e vem calçadas com pneus de medidas 120/70-17 na dianteira e 180/55-17 atrás. Na Europa os pneus originais são Michelin Road 5.

  • Triumph Tiger Sport 660
  • Triumph Tiger Sport 660

Freios

A Triumph Tiger Sport 660 tem sistema de freio mais simples, se comparados com as irmãs maiores, como a Street Triple, são dois discos de 310 mm de diâmetro na dianteira, mordidos por pinças axiais de dois pistões e não radiais de quatro pistões como na naked. Atrás um disco de 255 mm e pinças de pistão único, ambos assistidos por ABS, completam o pacote.

Triumph

Outros componentes

O painel é de TFT colorido e tem conectividade com telefones celulares e o sistema My Triumph. O painel ainda pode ser conectado às câmeras GoPro. A iluminação da Tiger Sport 660 também é total LED.

Triumph
Painel em TFT colorido tem layout de informações configurável.

A Tiger Sport 660 tem vários opcionais como o top case e malas laterais, assistente de câmbio quickshifter, manoplas aquecidas, carregador USB sob o assento, e sensor de pressão dos pneus.

  • Triumph

A Triumph Tiger Sport 660 terá três opções de cores, azul, vermelha e cinza. O preço a ser praticado na Europa parte de 9.245 euros, cerca de R$ 58.700 em conversão direta. Esta é mais uma das motos que devemos ver desembarcar no Brasil em breve, tomara que não demore!

Conteúdo Recomendado

Comentários