Card image
Notícias
Santa Catarina recebe Honda GP Brasil de Motocross 2013

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 15/05/2013
  • Por: admin

No pr&oacute;ximo final de semana (18 e 19) o Beto Carrero World, na cidade da Penha, SC, ser&aacute; o palco do Honda GP Brasil de Motocross MX1/MX2. Esta &eacute; a s&eacute;tima de 18 etapas do Mundial, que passa ainda por pa&iacute;ses da Europa, Am&eacute;rica Latina e &Aacute;sia.<br /><br />Na categoria MX1, entre os 24 pilotos que se enfrentar&atilde;o na pista de 1 560 metros de extens&atilde;o, 5 s&atilde;o brasileiros. J&aacute; na MX2, entre os 26 inscritos, haver&aacute; 6 &ldquo;brazucas&rdquo; na briga por pontos. Al&eacute;m deles, 3 estrangeiros que competem atualmente no Brasil participar&atilde;o das provas: o ingl&ecirc;s Adam Chatfield e o portugu&ecirc;s Joaquim Rodrigues competem na MX1 enquanto Paulo Alberto, tamb&eacute;m de Portugal, correr&aacute; na MX2.<br /><br />MX1:<br /><br />#135 &ndash; Daniel Pessanha &ndash; RJ<br />#903 &ndash; Antonio Balbi Jr. &ndash; MG<br />#921 &ndash; Wellington Garcia &ndash; GO<br />#992 &ndash; Jean Ramos &ndash; PR<br />#a definir &ndash; Mateus Basso – RS <br /><br />MX2:<br /><br />#115 &ndash; Rafael Faria &ndash; PR<br />#127 &ndash; Jean Ramos &ndash; PR<br />#134 &ndash; Caio Lopes &ndash; SP<br />#203 &ndash; Anderson Cidade &ndash; SC<br />#230 &ndash; Hector Assun&ccedil;&atilde;o &ndash; SP<br />#332 &ndash; Rodrigo dos Santos – SE <br /><br /><br />&ldquo;J&aacute; corri o Motocross das Na&ccedil;&otilde;es no Brasil em 1999. De l&aacute; para c&aacute;, muita coisa evoluiu no esporte. A etapa brasileira do Mundial no ano passado foi bastante elogiada. &Eacute; um novo desafio e estou super animado em participar da disputa neste ano&rdquo;, comenta Joaquim Rodrigues, que pilotar&aacute; uma CRF 450R da equipe Honda Mobil. <br /><br />&ldquo;Pegamos pesado nos treinos nas &uacute;ltimas quatro semanas e nessa temos atividades mais leves. O foco nesta etapa &eacute; pontuar e estar entre os 20 primeiros e participar da Super Final, que acontece no domingo com atletas da MX1 e MX2&rdquo;, afirma Jean Ramos, piloto paranaense da equipe Escuderia X Motos.<br /><br />Cada categoria disputar&aacute; separadamente no s&aacute;bado um treino livre, treino pr&eacute;-classificat&oacute;rio e corrida classificat&oacute;ria. J&aacute; no domingo, haver&aacute; o warm-up, uma bateria da MX1 e outra da MX2, repescagem e a Super Final. Esta corrida (35 minutos mais duas voltas), reunir&aacute; 40 pilotos, sendo os 20 melhores de cada classe.<br /><br />&nbsp;<br />Programa&ccedil;&atilde;o:<br />&nbsp;<br />S&aacute;bado (18/5)<br />Treino livre MX2 (35 minutos): 9h30 &agrave;s 10h05<br />Treino livre MX1 (35 minutos): 10h15 &agrave;s 10h50<br />Treino pr&eacute;-classificat&oacute;rio MX2 (30 minutos): 13h15 &agrave;s 13h45<br />Treino pr&eacute;-classificat&oacute;rio MX1 (30 minutos): 14h &agrave;s 14h30<br />Corrida classificat&oacute;ria MX2 (20 minutos mais duas voltas): 15h45<br />Corrida classificat&oacute;ria MX1 (20 minutos mais duas voltas): 16h35<br /><br />Domingo (19/5)<br />Warm-up Corrida dos Campe&otilde;es (15 minutos): 8h25 &agrave;s 8h40<br />Warm-up (20 minutos) MX2: 9h &agrave;s 9h20<br />Warm-up (20 minutos) MX1: 9h30 &agrave;s 9h50<br />Corrida dos Campe&otilde;es: 10h30<br />Corrida MX2: (35 minutos mais duas voltas): 12h10<br />Corrida MX1: (35 minutos mais duas voltas): 13h10<br />Repescagem MX1 + MX2 (20 minutos mais duas voltas): 14h30<br />Super Final MX1 + MX2 (35 minutos mais duas voltas): 16h10<br /><br />*Hor&aacute;rios das provas podem ser alterados pela organiza&ccedil;&atilde;o<br />Servi&ccedil;o<br />Honda GP Brasil de Motocross<br />Data: 18 e 19 de maio<br />Local: Beto Carrero World<br />Cidade: Penha, SC<br />Ingressos: www.mundialdemxbrasil.com.br<br />

Conteúdo Recomendado

Comentários