Card image
Notícias
Música e motores se misturam no Espaço Motociclismo

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 01/11/2017
  • Atualizado: 11/10/2019 às 16:32
  • Por: Carlos Bazela

A noite de ontem, 31 de outubro, mostrou que a música e os motores têm tudo a ver no Espaço Motociclismo. No evento, que também celebrou a Noite dos Carros Japoneses do AutoShow Collection, foi realizada a primeira etapa do Motor Music, o festival de bandas feito em parceria com a plataforma iMusic. Nessa primeira noite, seis bandas e artistas solo mostraram o seu potencial para o público ver o que vem por aí. O Motor Music ainda contou com celebridades, como o cantor Kiko Zambianchi, que será um dos jurados do evento.

No palco, Rachel Maia abriu a noite com o jazz e o blues de Nina Simone. Outros covers ficaram por conta das bandas Rockinstones e U2 Ultra Violet, que mandaram o melhor de Rolling Stones e U2. Mas o que todo mundo queria mesmo era ver o novo, os artistas que escolheram o Motor Music para mostrar seu trabalho autoral e já estão se preparando para o sucesso. E, nesta terça, tivemos PAD, Kilotones e Marquês. Saiba mais sobre o trabalho deles:

PAD – Com repertório nacional e autoral, o nome PAD vem de pé de galinha, em alusão ao Chickefoot, banda formada por nomes como Sammy Hagar (Van Halen) e Chad Smith (Red Hot Chili Peppers). O movimento oitentista New Wave, as bandas inglesas do pós-punk e artistas como Billy Idol também são influências do grupo formado por Fabio Noogh, Marcos Kleine, Leandro Pit, William Bill de Oliveira, Rodrigo Simão, Thiago Biasoli. Ouça: https://www.imusics.com/pad

Kilotones – Formada pelos irmãos AJ Barrionovo (vocalista e baixista), JP Barrinovo (guitarrista) e Pedro Barrionovo (baterista), a Kilotones se define como uma banda com um pensamento “fora da caixa” e que baseia seu processo criativo na desconstrução de pré-conceitos, inclusive nos instrumentos, com o uso de surdos misturado com eletrônico. “Como procurávamos expressar um som forte e contemporâneo, escolhemos um nome que sintetizasse a intensidade do processo de composição até a performance ao vivo. Kilotones foi unânime”, comenta AJ sobre a escolha do nome. Ouça: https://www.imusics.com/kilotones

Marquês – O Marquês se define como um artista de habito simples, valores positivos e através de um rock nacional jovial e envolvente, concebe a sua obra para ser apreciada a qualquer momento do dia e ocupar os corações e os sonhos da sua geração. O artista, segundo ele mesmo, leva ao público mensagens de incentivo à cultura, obras literárias, aventura, esperança, paixão e verdade. Ouça: https://www.imusics.com/marquesaria

Quer inscrever seu som no Motor Music? É fácil! Basta seguir o passo a passo no site do evento, mas não deixe de ler o regulamento antes.

Conteúdo Recomendado

Comentários