Card image
Notícias
“Motolâncias” prestam socorro médico

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 25/06/2008
  • Por: admin

<p>Com o tr&acirc;nsito carregado que todos enfrentam no dia-a-dia das cidades, principalmente, em metr&oacute;poles como S&atilde;o Paulo e Rio de Janeiro, cada vez &eacute; mais importante ter agilidade para o atendimento em casos de graves acidentes. Mesmo com a coopera&ccedil;&atilde;o das pessoas, que costumeiramente deixam as ambul&acirc;ncias passarem, existem casos em que n&atilde;o chegam a tempo.<br /></p>
<p>Assim, o ve&iacute;culo mais recomendado para acelerar o socorro &eacute; a motocicleta. O Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de acaba de anunciar a distribui&ccedil;&atilde;o de 400 motos para fazer o servi&ccedil;o de &ldquo;motol&acirc;ncia&rdquo; para o Samu (Servi&ccedil;o de Atendimento M&oacute;vel de Urg&ecirc;ncia) do SUS (Sistema &Uacute;nico de Sa&uacute;de).<br /></p>
<p>As motocicletas&nbsp;ser&atilde;o utilizadas no atendimento e socorro &agrave;s v&iacute;timas com patologias graves, especialmente naqueles casos em que o tempo &eacute; essencial para diminuir as seq&uuml;elas. O Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de fez uma licita&ccedil;&atilde;o para a compra de 400&nbsp;Yamaha Lander 250 cm&sup3;&nbsp;a serem entregues em todo o pa&iacute;s . As motos devem come&ccedil;ar a circular a partir do segundo semestre de 2008.<br /></p>
<p>Elas dar&atilde;o apoio &agrave;s equipes das Unidades de Suporte B&aacute;sico, formadas por t&eacute;cnico e condutor, sendo que o piloto da moto ser&aacute; o terceiro integrante da equipe e no caso das Unidades de Suporte Avan&ccedil;ado, constitu&iacute;das por m&eacute;dico, enfermeiro e condutor, o piloto ser&aacute; o quarto integrante da equipe. A previs&atilde;o &eacute; de que as motocicletas cheguem em, no m&aacute;ximo, dez minutos ao local acidente, sendo que os autom&oacute;veis demoram entre 19 a 20 minutos. <br /></p>
<p>Durante os socorros, as &ldquo;motol&acirc;ncias&rdquo; ser&atilde;o conduzidas por t&eacute;cnicos em enfermagem, capacitados para atendimentos em urg&ecirc;ncia. Dentre os equipamentos transportados em uma caixa na parte detr&aacute;s do ve&iacute;culo est&atilde;o um desfibrilador e um ox&iacute;metro, al&eacute;m de diversos outros materiais para atendimento &agrave;s ocorr&ecirc;ncias cl&iacute;nicas e traum&aacute;ticas.<br /></p>
<p>A atua&ccedil;&atilde;o mais importante da moto ser&aacute; em casos de problemas cardiovasculares, especialmente nos associados &agrave; morte s&uacute;bita. A presen&ccedil;a do piloto permitir&aacute; um r&aacute;pido acesso e manuten&ccedil;&atilde;o da vida durante os primeiros minutos, considerados os mais cr&iacute;ticos.<br /></p>

Conteúdo Recomendado

Comentários