Card image
Notícias
KTM RC 390 recebe o tratamento “R”

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 29/01/2018
  • Por: Carlos Bazela

A KTM decidiu que chegou a hora da pequena superesportiva RC 390 receber o tratamento R em uma versão limitada vendida para meros mortais, mas com foco no alto desempenho das pistas. A versão mais apimentada inclui suspensões WP totalmente ajustáveis, guidão com manetes de freio e embreagem dobráveis, revisão no sistema de arrefecimento para otimizar a entrada de ar no motor monocilíndrico de 373,2 cm³. Mas nada foi revelado sobre mudanças nos 44 cv de potência máxima produzidos pelo propulsor a 9 500 rpm.

Para completar o pacote, o modelo ainda inclui uma roupagem ainda mais alusiva às pistas. Mas como nós já sabemos, no mundo das duas rodas, mais esportividade não é para todo mundo. Segundo a KTM, apenas 500 unidades da RC 390 R será feitas, cada uma custando 8 500 euros, o que equivale a mais de R$ 33 mil em conversão direta. O valor é superior ao cobrado pelo modelo standard da RC 390, que fica por volta dos 6 000 euros, equivalente a pouco mais de R$ 23mil.

E se o negócio realmente é fazer bonito no autódromo, a KTM ainda disponibiliza o kit SSP300 – Ready to Race, criado com foco na versão R da moto, mas que pode ser instalado em uma RC 390 convencional, desde que ela seja fabricada a partir de 2017. Custando 11 000 euros (por volta de R$ 43 mil), o kit traz um total de 230 peças, incluindo escape Akrapovic SSP300 EVO2 com ECU orientada para competições, embreagem deslizante STM, câmbio quickshift e rodas sobressalentes. A KTM informou que irá produzir 50 kits por ano.

Conteúdo Recomendado

Comentários