Card image
Notícias
Indian Top Montain é museu em duas rodas

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 20/12/2017
  • Por: Carlos Bazela

Markus Krasser é concessionário Indian na Áustria e também customizador à frente da SMC – Styrian Motor Cycle. Há seis meses, ele e sua equipe receberam o desafio de customizar a uma Indian Chief Vintage 2016 que iria para Attila Scheiber, dono do hotel Top Montain e também do museu de motos com o mesmo nome, localizado em Hochgurgl.

E como você cria uma moto que vai para um museu no topo de uma montanha congelada? Para responder essa pergunta, Krasser usou um tom de azul metálico que fosse alusivo ao frio e ainda estampou toda a Indian com gravuras do acervo do museu. “O que você vê na moto são cenas do próprio museu pintadas ao longo de todo o corpo da motocicleta. Lá dentro, há 250 motos de 1894 em diante, incluindo 25 Indians antigas”, comentou ele. Para construir a moto, Markus Krasser aproveitou o tanque e a lanterna traseira da Victory Hammer, marca que pertencia àPolaris, mesma dona da Indian, até ser fechada no início do ano.

Além do trabalho de pintura, a moto, que originalmente era uma bagger, perdeu suas malas, mas a roda traseira permanece coberta por chapas laterais decoradas pelas penas do cocar indígena presente no logo da marca. Os escapes convergem abaixo dessas chapas para uma saída única no para-lama traseiro. Já o motor permanece o mesmo bicilíndrico Thunder Stroke de 1 811 cm³ e o customizador austríaco garante que ele é funcional e a moto é utilizável, mesmo com a roda dianteira aro 26’’. “A moto cumpre as regulamentações europeias, ficará exposta no museu durante o inverno e Attila vai pilotá-la quando o verão chegar”, finaliza Krasser.

Fotos: Michael Hochfellner

Conteúdo Recomendado

Comentários