Card image
Notícias
Em vigor, Promot3 não funciona na prática!

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 16/01/2009
  • Por: admin

<p>Apesar de estar em vigência desde 01 de janeiro de 2009, na prática, o Promot3 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares) ainda não está rendendo frutos no Brasil. Uma resolução concedida pelo IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) permite que motocicletas enquadradas no Promot2 sejam produzidas ou importadas até 31 de março deste ano.</p>

<p>O pedido para a fabricação destas motocicletas foi feita à entidade ambiental pela Abraciclo — Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.</p>

<p>“O IBAMA foi sensível ao cenário econômico e permitiu uma prorrogação de 90 dias do prazo inicial. Mas, apenas as motocicletas que estavam no planejamento de 2008 podem ser produzidas”, explicou Sérgio Martins de Oliveira, gerente de relacionamento da Abraciclo. Na verdade, de acordo com a entidade, o Promot3 já está em vigência e a alteração ocorreu na LCM (Licença para Uso da Configuração de Ciclomotores, Motociclos e Similares).</p>

<p>Desse modo, as montadoras terão de provar ao IBAMA que tinham motocicletas no planejamento de produção em 2008, mas, devido à crise não foram finalizadas. Além disso, o prazo para a venda das motocicletas também foi prorrogado, passando de 30 de abril para 30 de junho. “Devido à crise financeira, muitas montadoras ainda têm peças Promot2 em estoque e era necessário dar um destino a elas”, acrescentou Martins.</p>

<p>O pedido da Abraciclo foi formalizado ao IBAMA em novembro, um dos momentos mais altos da crise, e a resolução só foi concretizada em 30 de dezembro de 2008. De acordo com a associação, não existe a possibilidade de um novo prolongamento no prazo.</p>

Conteúdo Recomendado

Comentários