Card image
Notícias
Editorial: motocicletas, solução ou problema?

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 05/05/2010
  • Por: admin

<p>É incrível, mas, como mencionei no editorial anterior, a maioria das autoridades brasileiras enxerga a moto como um problema. É um tremendo contrassenso, conforme estamos provando em mais uma reportagem da nossa campanha "Sim à Motocicleta", nesta edição. Além do mais, uma das alegações que mais ouvimos é o caso da poluição. Várias emissoras de TV e rádio ainda divulgam a informação de que a moto polui mais que o carro, totalmente desinformados e desatualizados.<br />
<br />
Hoje em dia, com a nova regulamentação do Promot 3, as motos têm os mesmos limites de emissões de poluentes (Nox, CO, e HC) dos automóveis, com o Proconve. Contudo, eles nunca mencionam que as emissões de CO2, causadoras do efeito estufa, são amplamente menores. Apenas para exemplificar, na média, um automóvel a gasolina emite até 4 vezes mais CO2 que uma moto e, um carro flex abastecido com álcool expele 3,5 vezes a mais. Ou seja, chega de querer denegrir as motocicletas nesse sentido, primeiro, se informem a respeito.<br />
<br />
Em contrapartida, na Europa, os governantes estão cada vez mais incentivando o uso das motocicletas, apesar de terem um dos melhores transportes públicos do mundo. Com a introdução da equivalência B-A1 (motoristas habilitados para carros podem dirigir motos até 125 cm3), na Espanha, verificou-se por meio de um estudo que, um incremento de 6% na utilização das motos, proporcionou uma queda no uso de carros e ônibus na ordem de 100 000 horas. Na França, onde essa equivalência também existe, muitos imaginavam que o número de acidentes aumentaria, em função da falta de prática dos usuários de carros sobre as motos. Contudo, uma pesquisa revelou que a sinistralidade havia diminuído 8%, calando os pessimistas. Leiam a reportagem "Sim à Motocicleta" e confiram os resultados. <br />
<br />
<strong>Espaço para estacionar</strong><br />
Creio que o mais importante e o que devemos destacar é o quanto poupamos em tempo e dinheiro, além de contribuirmos para o meio ambiente, quando utilizamos uma motocicleta. Outra informação interessante é a quantidade de motos que pode-se estacionar em uma vaga de carro. Ou seja, se pensarmos que a média de ocupação de passageiros é de 1,3 pessoas por auto, seis cidadãos de motos, podem parar seus veículos em uma mesma vaga. A motocicleta, como meio de transporte, desafoga o trânsito, por ocupar menos espaço nas ruas, e resolve o problema de estacionamento nas grandes cidades. SIM À MOTOCICLETA!</p>

Conteúdo Recomendado

Comentários