Card image
Notícias
Competição à brasileira

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 27/04/2015
  • Por: admin

<p>Nesta edição trazemos os vencedores do Moto de Ouro 2015, considerada a maior premiação de motos do mundo e que, no Brasil, também premia os melhores pilotos das principais modalidades do motociclismo brasileiro. Poderíamos muito bem fazer como nos outros oito países que participam do Motorcycle of the Year e premiar apenas marcas e motos, mas não: pelo 13° ano consecutivo, fazemos questão de premiar também os pilotos. Tanto por acreditar que é nosso papel como imprensa especializada como também por termos enorme prazer em fazê-lo.</p>

<p><img alt="Capa da edição de junho (nº 209) da MOTOCICLISMO" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/capatexto1_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /> <br />
Todos aqui temos paixão por motos e motociclismo, e, se por meio da revista, podemos ajudar a divulgar, valorizar ou simplesmente dar espaço para que os pilotos se manifestem, por que não fazê-lo? Lamentavelmente, sempre há um ou outro que só se digna a ir ao evento “se for ganhar algum prêmio”, perdendo uma oportunidade de ouro de estar em contato direto com potenciais patrocinadores, expor os seus atuais… Enfim. Mas vamos seguir em frente, e aproveito estas linhas para, mais uma vez, agradecer e parabenizar os pilotos — no fundo, os verdadeiros donos do espetáculo — que concorreram este ano.</p>

<p>Temos muito a evoluir no que se refere às competições a motor no Brasil, em especial no motociclismo. No fim do ano passado tivemos uma grande (e, vamos ser sinceros, esperada) decepção com a ausência do Brasil no calendário da MotoGP e ainda é difícil acreditar que não temos sequer um autódromo no país com condições de receber uma etapa do Mundial de Motovelocidade. Enquanto isso, aqui ao lado, nossos vizinhos argentinos acabam de realizar uma das etapas mais fantásticas do Mundial nos últimos anos. A MotoGP só chegou à Argentina porque houve um esforço conjunto de governantes, promotores e federações em busca de um objetivo comum: levar o Mundial ao país. Que sirva de exemplo.</p>

<p>Um abraço! </p>

Conteúdo Recomendado

Comentários