Card image
Notícias
Burgman 650 customizada rouba a cena no Espaço Motociclismo

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 20/06/2018
  • Por: Carlos Bazela

Espaço Motociclismo, Suzuki, Burgman 650, customização, scooter, motos, Harley-Davidson, V-Rod, Night Rod, Dodge Challenger, Shelby GT500, Roland Sands, Ludovic Lazareth, Marcus Walz, Hollywood Again, Pepe Rock Burger, Yamaha, TMax, AutoShow Collection, motociclismo, Revista MotociclismoNesta terça-feira, 19, o Espaço Motociclismo, que acontece todas as terças-feiras no Sambódromo do Anhembi junto com o AutoShow Collection, teve muito rock’n’roll com a banda Hollywood Again e quem estava presente ainda pode conferir os lanches do Pepe Rock Burger com a mesma pegada.

Mas, uma figura inesperada chamou a atenção dentro da Avenida do Sambódromo: um Suzuki Burgman 650 customizado cujo estilo radical passava longe do visual “executivo” do scooter japonês. “Ele é 2011 e eu o comprei tem cinco anos. Até então, não tinha ideia nenhuma de customizar”, conta o mecânico Arthur Gomes Rossetti, dono do scooter e da oficina HD Company e da Twin Tech School, onde dá cursos de mecânica, ambas no bairro paulistano do Tatuapé.

Espaço Motociclismo, Suzuki, Burgman 650, customização, scooter, motos, Harley-Davidson, V-Rod, Night Rod, Dodge Challenger, Shelby GT500, Roland Sands, Ludovic Lazareth, Marcus Walz, Hollywood Again, Pepe Rock Burger, Yamaha, TMax, AutoShow Collection, motociclismo, Revista MotociclismoSegundo Rossetti, foi um projeto do customizador norte-americano Roland Sands que mudou tudo. “Quando eu vi aquele TMax que ele preparou para a Yamaha eu falei: vou fazer um desses pra mim. É o que eu quero”, disse o customizador, que tomou todos os cuidados para que sua criação fosse totalmente legalizada par rodar nas ruas. “Ele pode ter feito uma showbike, mas o meu eu queria usar no dia-a-dia”, comenta Arthur Rossetti.

Em 2012, a Yamaha entregou três unidades do TMax para três customizadores de renome – Roland Sands, Ludovic Lazareth e Marcus Walz – com carta branca para eles fazerem o que achassem melhor.  As criações foram expostas no EICMA, o Salão de Motos de Milão, para o projeto Hyper Modified. Naquele ano, Sands tirou todas as carenagens do modelo de 530 cm³ para conferir um visual mais esportivo e levemente inspirado nas café racers da década de 1960.

Espaço Motociclismo, Suzuki, Burgman 650, customização, scooter, motos, Harley-Davidson, V-Rod, Night Rod, Dodge Challenger, Shelby GT500, Roland Sands, Ludovic Lazareth, Marcus Walz, Hollywood Again, Pepe Rock Burger, Yamaha, TMax, AutoShow Collection, motociclismo, Revista MotociclismoE começou a epopeia. Definido o estilo, começaram a vir as peças, que fariam do “Burgamão” um verdadeiro Frankenstein automotivo. “Os faróis são os mesmos do para-choque do Mustang Eleanor (Shelby GT500) do filme 60 Segundos”, comenta, reiterando que a tampa e o bocal do tanque vieram de outro bólido dos EUA: o novo Dodge Challenger. A cereja do bolo, entretanto, é o filtro de ar do lado esquerdo. “Essa peça vale mais que a moto toda. Quando eu fazia curso de mecânica de aviação, pedi para o professor se poderia usar essa peça, que estava jogada na escola. Quando cheguei na oficina, ela encaixou direitinho no duto que eu havia feito. Aí fui pesquisar e vi que só ele custava 20 mil dólares!”, relembra.

Todo o projeto, que ainda inclui as ponteiras de escape da Harley-Davidson V-Rod e a lanterna traseira da Night Rod, ficou na casa dos 18 mil reais. Assim como Arthur Gomes, diversos motociclistas se reúnem no Espaço Motociclismo todas as terças para confraternizar. Semana que vem tem mais, na grande festa de um ano do local e com a comemoração do Moto do Ano 2018.

Conteúdo Recomendado

Comentários