Card image
Notícias
Brasília Capital Moto Week vai até dia 27

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 18/07/2019
  • Atualizado: 18/07/2019 às 17:00
  • Por: Willian Teixeira

O Brasília Capital Moto Week começa nesta quinta-feira, dia 18, e vai até dia 27 de julho. De acordo com os organizadores, mais de 700 mil pessoas e 300 mil motos de diversas partes do mundo deverão passar pela Granja do Torto e conferir as inúmeras atrações preparadas para a 16ª edição do evento.

Considerado o maior evento do calendário oficial de Brasília, o festival acontece em um espaço equivalentes a 25 Maracanãs e teve um crescimento de público nos últimos oito anos de 284%. Em 2018, injetou cerca de R$ 55 milhões para a economia da cidade.

Veja também:
BMS Motorcycle terá 5ª edição em agosto, em Curitiba
Bananalama 2019 reúne mais de 4 mil trilheiros em SC
Encontro reúne entusiastas da Vespa na Hungria

Segundo a Secretaria de Turismo do DF, a maioria dos turistas que chegam para o Brasília Capital Moto Week é da Região Sudeste e Sul do país e a permanência é de mais de 5 dias. Já entre os turistas internacionais, os principais países são Argentina, Colômbia e Paraguai.

Motociclistas de Portugal, Uruguai e Venezuela já confirmaram presença na atual edição do festival, que terá mais de 50 shows em sua programação. Bandas como Biquini Cavadão, Jota Quest, CPM 22 e o projeto Tamo Ai na Atividade – tributo ao Charlie Brown Jr, que reúne integrantes da formação original da banda e terá participações de Di Ferrero, Gabriel, o Pensador e de Mike Muir, vocalista do Suicidal Tendencies.

Uma das missões do evento é quebrar o estigma de que motociclismo é para o público masculino. Juliana Jacinto, uma das organizadoras do evento, destaca que atualmente há muito mais motociclistas e motoclubes compostos por mulheres do que antigamente. “Há 4 anos tínhamos um público majoritariamente masculino – 75% – ano passado quase igualou – 54% homens e 46% mulheres”, afirma Juliana.

Além do famoso Lady Bikers, espaço voltado para o empreendedorismo feminino, na programação desta edição haverá o dia “Mulheres no Rock”, onde elas são as atrações principais. “Vamos reunir e trazer desde artesãs indígenas até maquiadoras, é uma área para a mulher, mas onde todos são bem-vindos. Já no palco, teremos as bandas Red Mustang, Banda Nasty, TNSHE, entre outras mulheres liderando a cena musical do dia”, explica Juliana.

Com 42 mil motos nas ruas de Brasília na última edição, o tradicional passeio motociclístico deste ano já tem data marcada, 27 de julho, dia do motociclista. Saindo da Granja do Torto e passando por diversos pontos turísticos da cidade, o evento espera bater o recorde. “O passeio acontecerá no último dia do festival e queremos superar o número de motos este ano nas ruas de Brasília”, afirma Marco Portinho, também organizador do evento.

Além do passeio e dos shows, o evento terá o espaço Moto Kids para o público infantil, parque de diversões com roda gigante, autopista e outros brinquedos, cinema ao ar livre, entre outras atrações culturais.

Pelo terceiro ano consecutivo, o Brasília Capital Moto Week fechou parceria da ONG Neutralize Carbono, empresa pioneira na neutralização de emissões com créditos de carbono. A ideia é que nesta edição seja conquistado o selo de Lixo Zero. Ano passado o número atingiu 78,16% de destinação correta dos resíduos. Para este ano, com campanhas de conscientização e ações sustentáveis dentro do evento, a expectativa é que a gente ultrapasse os 90%.

Outra ação que acontecerá no evento é a meia-entrada para quem levar lixo eletrônico. “Ano passado recebemos meia tonelada de lixo eletrônico e conseguimos doar computadores recondicionados para incentivar as inclusões digitais em Escolas Públicas”, conta Juliana Jacinto. E não é só lixo eletrônico que paga meia-entrada, quem levar 1 kg de alimentos não perecíveis também.

Serviço: Brasilia Capital Moto Week
Data 18 a 27 de julho
Local: Granja do Torto
Ingressos: a partir de R$ 35 (meia entrada)
Além de estudantes, terá direito a meia-entrada para quem levar lixo eletrônico ou 1kg de alimento não perecível.
Motociclistas sem garupa e pilotando não pagam;
Deficientes não pagam;
Moto com garupas não pagam até às 18h (segunda a quinta) e até às 15h (sexta a domingo);
Mais informações em: https://www.capitalmotoweek.com.br/