Card image
Notícias
BMW F 800 R sai de linha no Brasil

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 19/07/2018
  • Atualizado: 23/07/2018 às 19:06
  • Por: Carlos Bazela

BMW, F 800 R, sai de linha, Brasil, naked, Roadster, motos, peso-médio, G 650 GS, F 850 GS, F 750 GS, G 310 R, S 1000 R, motociclismo, Motociclismo Online, Revista MotociclismoA BMW F 800 R não é mais produzida no Brasil. De acordo com os números da Abraciclo, a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, a última unidade da naked, ou Roadster, como prefere a fabricante alemã, foi produzida em abril de 2017. Consultada, a subsidiária brasileira da marca bávara confirmou fim da produção da F 800 R “como preparação para a chegada das novas F 750 GS e F 850 GS”.

Produzida no Brasil desde 2011, a naked foi um dos primeiros frutos da parceria entre a BMW e a Dafra, junto com a maxitrail G 650 GS. A moto trazia a seu favor o visual semelhante ao da K 1300 R, caracterizada pelos traços esportivos e os faróis assimétricos. O motor era um bicilíndrico de 798 cm³ capaz de gerar 87 cv a 8.000 rpm, enquantoo torque máximo de 8,7 kgfm chegava aos 6.000 rpm. Outro ponto que se destacava era o ronco poderoso que saía do escape.

BMW, F 800 R, sai de linha, Brasil, naked, Roadster, motos, peso-médio, G 650 GS, F 850 GS, F 750 GS, G 310 R, S 1000 R, motociclismo, Motociclismo Online, Revista MotociclismoEm 2015, a linha de montagem da BMW dentro da Dafra, em Manaus (AM), passou a produzir a versão atualizada da F 800 R, que chegou às concessionárias em fevereiro daquele ano. Totalmente reformulada, a moto recebeu novo design, com um farol poligonal, que substituiu o assimétrico, novas entradas de ar e linhas carenagens que lhe conferiram personalidade própria, tirando o olhar de cópia de uma moto maior.

A ciclística também mudou, com revisão no conjunto de suspensões e a altura do assento em relação ao solo diminuiu. O motor teve sua potência aumentada para 90 cv, enquanto o torque se manteve o mesmo, mas passou a chegar um pouco mais cedo, nos 5 800 giros. Com o fim da produção da F 800 R, os fãs das nakeds de peso-médio perdem mais uma opção no mercado. Principalmente no line-up nacional da BMW, que traz agora a pequena G 310 R e a poderosa S 1000 R.

Fotos: BMW

Conteúdo Recomendado

Comentários