Card image
Especiais
Voltz Motors tem plano revolucionário para crescer no Brasil

4 Minutos de leitura

  • Publicado: 30/09/2020
  • Por: PUBLIEDITORIAL

A Voltz Motors é uma startup brasileira que iniciou sua operação desenvolvendo e produzindo seu primeiro scooter elétrico exclusivamente para o Brasil, a EV1, mas este foi apenas o primeiro passo de seu plano de negócio, que realizará a expansão da produção de suas motocicletas para o polo industrial de Manaus, a partir de 2021.

Desde o ano passado, quando começou a comercializar a EV1, a Voltz Motors já vendeu mais de 1.300 unidades, número significativo, que poderia ter sido ainda melhor se não fosse a pandemia.

EV1, o scooter elétrico da Voltz Motors (Divulgação)

A estratégia da Voltz mostra-se arrojada e seu modelo de negócio é muito autêntico. A empresa inaugurou a primeira loja-conceito em Recife (PE) no final de 2019 e já tem mais 35 showrooms montados em contêineres por várias cidades do Brasil.

Futuro da marca no Brasil

Seguindo seu plano de expansão a Voltz inaugurou, na última quarta-feira, 23 de setembro, sua segunda loja-conceito, desta vez em São Paulo, na Avenida Nove de Julho, 3952, Jardim Paulista. No evento virtual da capital paulista, a empresa anunciou a pré-venda de seu novo modelo, a EVS, primeira moto inteligente do país que, em menos de três dias, atingiu a marca de 1.000 unidades vendidas. O CEO da marca, Renato Villar, também anunciou um novo ecossistema digital em tempo real que será implantado em suas motocicletas e a cadeia de benefícios idealizada para seus clientes.

EVS, a street da Voltz (Divulgação)

Imagine-se dentro de um local fechado, um cinema, teatro ou shopping center e receber uma notificação em “push” no seu celular te avisando que alguém está mexendo em sua moto. Você pode então acionar o alarme sonoro para acuar o intruso. Parece improvável?

Ecossistema integrado

Pois é real, este é apenas um dos serviços que a Voltz Motors desenvolveu para seus clientes no ECO-V, o ecossistema que tem o objetivo de ajudar o usuário das motos Voltz.

Loja-conceito da Voltz em Recife, Pernambuco (Divulgação)

O ECO-V é uma ecossistema de motos inteligentes conectadas 24 horas a poderosos servidores, capazes de monitorar em tempo real tudo que acontece com sua moto Voltz.

A nova linha de motocicletas da Voltz será equipada com hardware capaz de identificar o comportamento de pilotagem do usuário, alertando-o para a pilotagem segura, mas também é capaz de identificar um acidente com a moto e avisar um familiar ou chamar o resgate.

Mais segurança e menos custos

Alguns componentes das motos, como motor e baterias, são “chipados”, assim como os telefones celulares, e, em caso de furto ou roubo, os equipamentos da moto são desativados em tempo real. O ECO-V ainda é capaz de ajudar a polícia a recuperar o veículo.

EVS foi concebida para ser a primeira moto inteligente do Brasil (Divulgação)

O usuário também possui o App Minha Voltz para gerenciar todos os detalhes de sua moto, relatar problemas, comprar peças, acessórios e ainda localizar os parceiros de carga de bateria. A rede de usuários Voltz estará interligada para a difusão de benefícios e poderá interagir para a troca de experiências.

Benefícios para os proprietários

Este tipo de rastreamento vai gerar uma série de benefícios em cadeia para os clientes da marca, já que financiamento e seguros terão taxas de juros menores e apólices mais baratas do que as motos a combustão.

A Voltz Motors chegou e quer sedimentar o negócio consistentemente, não só oferecendo produtos de qualidade, mas com serviços diferenciados em uma rede de revendedores capaz de atender à crescente demanda de motocicletas elétricas por um público que busca maior mobilidade urbana com mais estilo.

A produção em Manaus

Hoje, as motos da Voltz são produzidas na unidade fabril da marca em Cabo de Santo Agostinho (PE), mas a partir de 2021, a Voltz Motors deve começara a produzir suas motocicletas elétricas em Manaus. A planta na capital manauara terá capacidade de produção de até 8.000 unidades ao ano, capacidade que poderá ser ampliada até 22.000 unidades.

Voltz deve iniciar produção em Manaus a partir de 2021 (Divulgação)

Conteúdo patrocinado / Voltz Motors