Card image
Especiais
Revelada a nova KTM 690 Duke, potente como nunca

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 10/09/2015
  • Por: admin

<p><img alt="Não houve mudanças significativas na estética da 690 Duke 2016 " height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/2016-ktm-690-duke-2_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p><span style="line-height: 1.6em;">A KTM anuncia pequenas, mas importantes mudanças para sua divertida KTM 690 Duke modelo 2016. Como o esperado, a nova Duke sofreu algumas alterações no motor visando mais potência e um comportamento ainda mais bravo. </span><span style="line-height: 1.6em;">A potência máxima e a faixa de rotação em que ela era atingida cresceram. De 68 cv a 7.500 prm, “pularam” na nova 690 Duke para 73 cv a 8.500 rpm, enquanto que o incremento no torque foi de 6%.</span></p>

<p><img alt="O novo motor ganhou 5 cv de potência" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/2016-ktm-690-duke-1_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Agora o monocilíndrico passa a ter exatos 693 cc – o antigo tinha 690 cc – em função do aumento do diâmetro de seu pistão e uma pequena redução em seu curso. As válvulas também mudaram para que um novo cabeçote, agora mais compacto, pudesse ser adotado. Com estas mudanças o modelo passa a atender com folga ao Euro 4 – Programa de anti-poluição Europeu.</p>

<p>A Duke 2016 vem com três modos de pilotagem, o Sport, Street e o Rain. Para fazer a seleção, basta acionar os botões no punho esquerdo. O sistema de ABS – que pode ser desligado – será um item de série no modelo, já o controle de tração é opcional. Os novos recursos eletrônicos agora poderão ser visualizados em um novo painel de instrumentos cujo display é do tipo TFT, similar às telas de alta definição dos modernos smartphones… O primeiro na linha KTM.<br />
Na ciclística, a mudança foi sutil, com um acréscimo de 4 mm na distância do trail.<br />
<img alt="O painel é em TFT, com definição e cores similares ao dos modernos smartphones" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/2016-ktm-690-duke-3_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Com o investimento da fábrica austríaca nesta nova 690 Duke, surge uma questão: como a KTM irá posicioná-la em seu line-up, já que é sabido que em breve será lançada a KTM 800 Duke com dois cilindros paralelos. O que se cogita na imprensa especializada europeia, é que a 690 Duke permaneça mais um ano na família Duke, e depois “se torne” uma Husqvarna, servindo de base par a as novas 701 Enduro , 701 Supermoto e possivelmente, até mesmo uma Café Racer.</p>

<p>E no Brasil? Por enquanto a vinda da 690 Duke é uma incógnita. A Dafra não fez qualquer tipo de sinalização quanto a incorporá-la em seu line-up. O que nos resta, é cruzar os dedos para vê-la desfilando por nossas ruas.</p>

<p><img alt="O modelo que se destacava pela potência e agilidade está ainda mais poderoso" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/2016-ktm-690-duke_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p> </p>

Conteúdo Recomendado

Comentários