Card image
Especiais
Motos clássicas. Quanto pagar por uma?

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 06/09/2015
  • Por: admin

<p><img alt="A Yamaha RD 350LC é um dos modelos mais admirados" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/rd_350_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /><span style="line-height: 1.6em;">As motocicletas clássicas estão em alta, nunca a procura por elas foi tão grande. No entanto o preço é o grande fator que afugenta os interessados. E, ao contrário do que pareça, existem explicações para que muitas vezes modelos com 40 anos custem mais que uma boa motocicleta 0 km com a mesma cilindrada.</span></p>

<p>O primeira é a mais óbvia: o fato de serem raras. Nele, o que impera é a lei da oferta e procura. Quanto mais raro e difícil de achar um modelo, mais alto será seu preço. Motos novas que estão em produção, são comuns, podem ser compradas aos montes em lojas por todo país. Uma motocicleta antiga e rara não.</p>

<p><img alt="Honda CB 750. Eleita como a melhor moto do século passado, a &quot;sete galo&quot; é super valorizada" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/honda_cb750k_69_3_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Outro fator que é determinante no preço é o estado em que a moto se encontra. Se estiverem mais íntegras e em bom estado, melhor, pois não só mostram que a motocicleta foi bem cuidada, como será preciso gastar menos em sua manutenção ou para deixá-las em perfeitas condições. Acredite, vale a pena pagar mais pelo bom estado, do que gastar com peças, que geralmente são caras e difíceis de serem encontradas, e com mão de obra, que por serem especializadas, não custam pouco.</p>

<p><img alt="A Yamaha TX 650 também é outro modelo bastante procurado pelo admiradores das motos clássicas" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/classicas-tx650_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Quanto mais original é uma motocicleta, maior seu valor. Como na questão do estado, motos com todos os componentes originais mostram que foi dada a devida atenção a sua manutenção. Peças originais sempre funcionam melhor que outras genéricas ou paralelas, por isso custam bem mais.<br />
Vale dizer que adaptações desvalorizam uma moto clássica. Se estivar com peças de outra moto, esqueça…</p>

<p>Atualmente as motos que foram mantidas sem qualquer tipo de reforma desde que foram fabricadas, são as mais valorizadas. Restaurações só são bem vistas em uma clássica se tiverem sido feitas com critério, caso contrário podem até “matá-la”. Isso porque, muitos mecânicos que se intitulam restauradores, se sujeitam a fazer o serviço sem referência sobre cores, grafismos e até mesmo acabamento de componentes como parafusos, raios e o próprio motor. É comum ver motos com peças pintadas que originalmente deveriam ter sido zincadas ou polidas.</p>

<p><img alt="Raríssima, a BMW 51 é para poucos" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/classicas-r51_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Se você pretende ter uma motocicleta antiga e clássica, fique atento a outra questão. Como são máquinas cujos preços não constam em tabelas e por isso não se tem referência, o fundamental é realizar uma pesquisa na busca por motos em melhor estado, seja do mesmo modelo, ou de outros mais interessantes. Por fim, jamais esqueça de confeir a documentação, pois em muitos casos o investimento para regularizá-lo torna o negócio inviável.</p>

Conteúdo Recomendado

Comentários