Card image
Especiais
Contrariando expectativa, Honda atualiza XRE 300

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 21/02/2016
  • Por: admin

<p>Quando a Honda revelou em outubro de 2015 a promissora CB Twister, com novo motor e bem mais leve que a antecessora CB 300R, a pergunta que surgiu automaticamente foi:<strong> ‘Mas… E a XRE 300?</strong>’ Esta pergunta foi respondida pela própria Honda nesta terça-feira (23). A XRE 300 continua!</p>

<p><img alt="Nova Honda XRE 300" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/xre_300_rally_2016_nova_motociclismo_2_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>A nova XRE 300 chega nas concessionárias Honda a partir de março.<span style="line-height: 1.6em;"> As novidades estão nas novas carenagens, novos grafismos e um novo painel de instrumentos do tipo ‘blackout’ (no padrão da CB Twister) que oferece ótima visualização. O tanque de combustível é novo, com maior capacidade (13,8 litros contra 13,6 do anterior), além de uma nova tampa fixa para o bocal de abastecimento, mais prática e bonita. </span><span style="line-height: 1.6em;">Além disso, </span><span style="line-height: 1.6em;">conta com novos comandos de guidão</span><span style="line-height: 1.6em;">. </span></p>

<p><img alt="Honda XRE 300, modelo 2016" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/nova_xre_300_2016_honda_trail_motociclismo_1_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>O modelo conta com motor monocilíndrico arrefecido a ar, DOHC, de 291,6 cm³, com injeção eletrônica flex, permitindo o uso de gasolina ou etanol como combustível (ou qualquer mistura entre eles). A potência é de 25,4 cv a 7.500 rpm com torque de 2,76 kgf.m a 6.000 rpm na gasolina, e 25,6 cv a 7.500 rpm com torque de 2,8 kgf.m a 6.000 rpm, quando abastecida com etanol. O câmbio é de 5 velocidades. <strong>O motor foi atualizado para se adequar ao Promot 4 e traz melhorias no cabeçote.</strong></p>

<p><span style="line-height: 1.6em;">O chassi tubular utiliza uma configuração de berço semiduplo que, aliado às suspensões, oferece boas respostas na pilotagem. Na frente o sistema usa um garfo telescópico com 245 mm de curso. Já na traseira a suspensão é do tipo Pro-link monoamortecida com curso de 225 mm. Disponível em duas versões, Standard e C-ABS, a XRE 300 2016 está equipada com freios a disco com diâmetro de 256 mm na frente; e 220 mm atrás. </span></p>

<p><img alt="Honda XRE 300 2016" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/honda_xre_300_rally_2016_2_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p><span style="line-height: 1.6em;">Na versão Standard as cores disponíveis serão vermelho metálico, preto fosco e branco fosco, com <strong>preço público sugerido de R$ 15.560,00</strong>. </span><span style="line-height: 1.6em;">Já a versão C-ABS, com freios antitravamento e combinados eletronicamente, na cor vermelho rally, <strong>tem preço sugerido de R$ 17.750,00</strong>. Os valores têm como base o Estado de São Paulo, </span><strong style="line-height: 1.6em;">sem despesas com frete ou seguro</strong><span style="line-height: 1.6em;">. <strong>A garantia é de três anos sem limite de quilometragem</strong>, com fornecimento gratuito de óleo em sete revisões. </span><span style="line-height: 1.6em;">No mercado, a Honda XRE 300 tem como grande rival a Yamaha, com <a href="http://www.motorpress.com.br/moto/testes/testes-testes/yamaha-tenere-250-ganha-evolucao-necessaria"><span style="color:#FF0000;">a XTZ 250 Ténéré</span></a> e a XTZ 250 Lander.</span></p>

Conteúdo Recomendado

Comentários