Card image
Competições
Yamaha anuncia Quartararo e dá prazo para Rossi definir futuro

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 29/01/2020
  • Atualizado: 30/01/2020 às 9:28
  • Por: Willian Teixeira

A Yamaha confirmou a chegada de Fábio Quartararo para 2021 um dia após anunciar a renovação com Maverick Viñales por dois anos. O piloto francês, que se destacou pela SIC Yamaha ano passado com sete pódios em sua temporada de estreia na categoria rainha do motociclismo mundial, assume o lugar do italiano Valentino Rossi na escuderia japonesa ano que vem.

“Vou trabalhar duro, como no ano passado, para obter grandes resultados. Agradeço a Yamaha e à SIC pela oportunidade de ingressar na MotoGP. Darei meu melhor para que continuem se orgulhando de mim”, afirma Quartararo, após o anúncio de sua chegada ao time principal da marca dos três diapasões.

Fábio Quartararo
Quartararo será companheiro de Viñales em 2021 (Divulgação/Petronas SRT)

Veja também:
MotoGP: Ducati apresenta modelo para temporada 2020
Brabec é campeão nas motos e encerra hegemonia da KTM no Dakar

Multicampeões, Hamilton e Rossi trocam suas máquinas

Diretor da Yamaha, Lin Jarvis destacou as qualidades do jovem piloto francês em sua primeira temporada na MotoGP. “Suas 6 poles e 7 pódios na temporada de 2019 sinalizam seu brilhantismo e habilidade. Fabio tem apenas 20 anos, mas já demonstra grande maturidade dentro e fora da moto e estamos entusiasmados por ele se juntar a nós em 2021”, afirma o dirigente.

Com as mudanças na Yamaha, Valentino Rossi terá alguns meses para definir seu futuro. Segundo Jarvis, o italiano terá a sua disposição uma YZR-M1 de fábrica a sua disposição se optar em permanecer na MotoGP em 2021. “É estranho começar uma temporada sabendo que Vale não estará em nossa equipe em 2021, mas a Yamaha ainda conta com Valentino e respeita o que ele decidir sobre seu futuro”.

Valentino Rossi cede lugar a Quartararo na Yamaha em 2021
Fim da linha para Valentino Rossi na MotoGP? A faca e o queijo estão em suas mãos (Divulgação/Yamaha)

No comunicado divulgado pela Yamaha, Rossi afirma que a equipe pediu que ele definisse se continuava ou não já no começo do ano, mas ele precisava pensar nos rumos de sua carreira e optou por não tomar decisões precipitadas. “Meu objetivo é ser competitivo este ano e continuar minha carreira como piloto de MotoGP também em 2021, mas antes disso preciso ter alguns respostas que apenas a pista e as primeiras corridas podem me dar”, afirma eneacampeão mundial.

Especula-se na imprensa internacional que Rossi pode assumir o atual posto de Quartararo, na SIC Yamaha, em 2021. Vamos aguardar a decisão final de Valentino, que deve sair até o meio do ano.