Card image
Competições
Rea e Kawasaki faturam o mundial de superbike

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 21/09/2015
  • Por: admin

<p><img alt="Merecido, o piloto norte-irlandês se sagrou campeão com duas etapas de antecipação" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/jrea-4_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Jonathan Rea e a Kawasaki tem motivos de sobra para comemorar. Restando ainda duas etapas para o fim do campeonato mundial de Superbike (uma na França e outra no Qatar), o norte-irlandês se sagrou campeão neste domingo (20/090) no circuito de Jerez de La Frontera, Espanha.</p>

<p><img alt="20 de setembro de 2015… um dia inesquecível para Rea" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/jrea-2_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>O sonhado título veio já na primeira bateria. Rea fez uma boa largada, porém seu companheiro de equipe Tom Sykes (#66) tomou a ponta e nela se manteve até a bandeirada. Rea mostrou maturidade fazendo uma prova comedida e consciente ao não entrar em disputas com outros pilotos com chances matemáticas (como Chaz Davies da Aruba.it Racing Ducati e Michael van der Mark (#60), da Pata Honda), arriscando uma possível queda. Ao que parece, sua estratégia deu certo…</p>

<p><img alt="Comemoração e muito emoção junto a equipe Kawasaki" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/jrea-3_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p>Na segunda bateria, mesmo após largar muito bem, Sykes perdeu a liderança por conta do elevado desgaste dos pneus e a alta temperatura na pista, deixando a ponta para Chaz Davies, que imprimiu um forte ritmo e venceu pela nona vez em 2015. Quem recebeu a bandeirada em segundo e terceiro lugares, foi a dupla da Red Devils Aprilia, o espanhol Jordi Torres (#81) e o inglês Leon Haslam (#91).<br />
Na quarta e quinta colocação, chegaram os pilotos da Kawasaki Jonathan Rea e Tom Sykes.</p>

<p><img alt="Jonathan Rea: 28 anos de idade e muita experiência" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/jrea_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

<p><strong>Mais sobre o campeão –</strong> Jonathan Rea tem 28 anos e nasceu na Irlanda do Norte. Começou muito cedo a pilotar motocicletas, com apenas três nãos de idade. Aos 10, o jovem prodígio já era vice campeão britânico de motocross… sim, o atual campeão mundial de Superbike começou no off-road, modalidade que ele pratica regularmente até hoje.<br />
Ele ganhou notoriedade na motovelocidade em 2005, quando disputou o campeonato Britânico de Superbike.<br />
Rea também já passou pelo Campeonato Mundial de Supersport (600 cc) e rapidamente pelo MotoGP, em 2012. </p>

<p><img alt="Rea começou no motocross e até hoje pratica a modalidade regularmente" height="467" src="http://carroonline.terra.com.br//motociclismoonline/staticcontent/images/uploads/jrea-1_620x467.jpg" style="margin:0 auto; display:block;" width="620" /></p>

Conteúdo Recomendado

Comentários