Card image
Competições
MotoGP: operado, Quartararo mira volta em Le Mans

6 Minutos de leitura

  • Publicado: 04/05/2021
  • Por: Willian Teixeira

O francês Fabio Quartararo foi submetido a uma cirurgia no antebraço direito para corrigir uma síndrome compartimental, problema que lhe causou perda de rendimento durante o GP da Espanha e, possivelmente, lhe custou a vitória e a liderança da temporada na MotoGP.

O piloto da Yamaha havia largado na pole, mas com 13 voltas de corrida ele começou a perder posições por conta do desconforto provocado pela síndrome, que também é conhecida como arm pump. O francês foi operado pela segunda vez para tratar desse problema, sendo que a primeira cirurgia foi realizada em 2019, seu ano de estreia na MotoGP.

MotoGP: operado, Quartararo mira volta em Le Mans

Veja também:
Miller supera Quartararo e vence o GP da Espanha de MotoGP

Triumph revela moto para Campeonato Britânico de Supersport
Livro LipSpeed conta a incrível jornada das mulheres no motorsport

Em suas redes sociais, a Yamaha destaca que seu piloto passa bem após a cirurgia. “Ainda estou com um pouco de sono com a anestesia, mas estou bem. O médico disse-me que tudo correu como esperado. As fortes dores que senti durante a corrida de Jerez impediram-me de lutar pela vitória”, comenta o jovem piloto de 22 anos, que afirma estar ansioso para voltar e iniciar sua recuperação para a corrida em sua casa, o GP da França, que acontece de 14 a 16 de maio em Le Mans.

Quartararo é o terceiro piloto submetido a uma cirurgia para corrigir a síndrome compartimental, problema bastante comum em ciclistas e pilotos de moto. Os outros dois são o espanhol Iker Lecuona, da Tech 3, e o australiano Jack Miller, da Ducati, vencedor do GP da Espanha.

Confira abaixo o comentário de Léo Pereira sobre o GP da Espanha:

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter