Card image
Competições
MotoGP: Bagnaia se reencontra com a vitória em Jerez

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 02/05/2022
  • Por: Willian Teixeira

O início da jornada europeia na temporada 2022 da MotoGP motivou campeão e vice do ano passado. Depois de Fábio Quartararo voltar a vencer na última semana em Portimão, chegou a vez de Pecco Bagnaia, que dominou o GP da Espanha cravando o novo recorde da pista de Jerez (1min36s170), a pole e a vitória, que é a primeira do time de fábrica da Ducati neste ano. Completam o pódio o francês da Yamaha e o espanhol Aleix Espargaró, da Aprilia.

MotoGP: Bagnaia se reencontra com a vitória em Jerez

Bagnaia venceu o GP da Espanha de ponta a ponta, seguido por Quartararo e Aleix Espargaró, da Aprilia, conquistando sua quinta vitória na MotoGP. O resultado coloca o piloto italiano na 5ª colocação do Mundial de Pilotos, 33 pontos atrás do líder, que é o francês da Yamaha.

MotoGP: Bagnaia se reencontra com a vitória em Jerez

Com a palavra, o vencedor do GP da Itália:

“Certamente minha primeira vitória ano passado em Aragón foi muito importante, mas a de hoje foi ainda mais bonita e muito mais sofrida. Viemos de um período difícil, em que por vários motivos nunca conseguimos demonstrar nosso real potencial, mas aqui eu sabia que estávamos nas condições certas para ir bem. Trabalhamos muito desde o Qatar e finalmente hoje estamos prontos para enfrentar a corrida. Puxei muito e durante todas as 25 voltas rodei de forma constante. Estou orgulhoso do trabalho que tem sido feito, não só com a minha equipe, à qual agradeço, mas também em casa com a Academia e a minha família!”.

A vitória de Pecco em Jerez coloca ainda mais pressão sobre Jack Miller, que ainda não tem contrato assinado com a Ducati para o próximo ano, e vem sendo “assombrado” pelos jovens Enea Bastianini e Jorge Martin. Apesar disso, o australiano já destacou que não se importaria com um eventual “rebaixamento” para um dos times satélites da Ducati: “O que importa é estar na MotoGP”.

Granado vence as duas provas e lidera na MotoE

O GP da Espanha do Mundial de Motovelocidade também teve a estreia da MotoE em 2022. A categoria de motos elétricas teve duas provas disputadas em Jerez, ambas vencidas por Eric Granado.

Nas duas, o piloto brasileiro foi aos poucos escalando o pelotão e conquistou a liderança nos trechos finais, cruzando a linha de chegada em primeiro e se isolando na liderança do campeonato, com 50 pontos.

A seguir aparecemDominique Aegerter, com 33 e Miquel Pons, companheiro de Eric na LCR, com 28 pontos somados em duas provas disputadas.

Todas as classes voltam a correr no GP da França

A MotoGP volta em 15 de maio para a disputa do GP da França, em Le Mans, com provas da classe rainha e de Moto2, Moto3 e MotoE. Você confere a cobertura completa do Mundial em RACING Online.

Conteúdo Recomendado

Comentários