Card image
Competições
Final do Arena Cross acontece neste mês

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 05/11/2021
  • Por: Guilheme Derrico

O Arena Cross, que está completando sua 23ª edição, terá a grande final disputada nos dias 27, a partir das 13h, e 28, às 9h, no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo (SP). A decisão da temporada receberá quatro pilotos de fora do país, o que aumenta ainda mais o desafio para os brasileiros.

O campeonato é dividido em quatro categorias: Pró (acima de 16 anos e motos até 450 cilindradas), AX2 (de 14 a 23 anos e motos até 250 cm³), 65 cilindradas de 7 a 12 anos, e 50 cm³, de 5 a 9 anos. O evento também terá um show de freestyle motocross com a equipe do piloto Fred Kyrillos.

Leia mais:
Quartararo encerra jejum da Yamaha na MotoGP
Ducati será a nova fornecedora da MotoE em 2023
Binder salta da Moto3 para satélite da Yamaha na MotoGP

Público poderá acompanhar o Arena Cross

A final será aberta ao público, de acordo com todos os protocolos de saúde. Entre os espaços disponíveis aos fãs estão a arquibancada geral e a torcida VIP Premium, com buffet exclusivo, lounge VIP e visitação a área de box em horário determinado. Haverá praça de alimentação, estandes de patrocinadores e parceiros, sessões de autógrafos, distribuição de brindes e muitas novidades.

“É sempre uma grande responsabilidade realizar um evento na capital São Paulo, principalmente no Pavilhão do Anhembi, local de grandes feiras e espetáculos nacionais e internacionais. Estamos muito animados com essa Super Final, que integra a retomada da participação do público e fãs em competições esportivas na cidade. Vamos seguir todas as normas de segurança e prevenção à Covid-19 estabelecidas pelas autoridades. Esperamos que tudo seja um grande sucesso”, ressalta Carlinhos Romagnolli, diretor geral do Arena Cross.

Disputa acirrada no campeonato 2021

Após a etapa de Caraguatatuba (SP), realizada em setembro, a liderança da categoria Pró está com o venezuelano Anthony Rodriguez, da KTM, com 37 pontos, seguido do brasileiro Hector Assunção, com 34, e do equatoriano Jetro Salazar, com 32 pontos, ambos da equipe Honda Racing. Na AX2, o líder é Pepê Bueno, da Yamaha, com 20 pontos. Kevyn de Pinho e Heitor Matos venceram a primeira corrida na 65cc e 50cc, respectivamente.

  • Final do Arena Cross terá brasileiro brigando pelo titulo

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas mídias sociais!
– 
Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Conteúdo Recomendado

Comentários