Card image
Competições
Ducati anuncia permanência na MotoGP até 2026

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 20/01/2021
  • Por: Willian Teixeira

A Ducati anunciou nesta quarta-feira (20) a renovação de contrato para seguir no Mundial de Motovelocidade por mais algumas temporadas. O novo vinculo da equipe de Borgo Panigale com a Dorna Sports é válido de 2022 até 2026.

O anúncio da Ducati acontece uma semana após a renovação do contrato da KTM com a Dorna. A marca de Mattighofen também firmou compromisso para permanecer no Mundial de Motovelocidade até 2026.

Ducati anuncia permanência na MotoGP até 2026
Jack Miller e Francesco Bagnaia, a dupla da Ducati para 2021 (Divulgação)

História da Ducati na MotoGP

Presente na MotoGP desde 2003, a Ducati é uma das principais marcas do Mundial de Motovelocidade. Os italianos levaram apenas seis corridas para vencer pela primeira vez na categoria, com Loris Capirossi no GP da Catalunha. Em 2007, o time de Borgo Panigale obteve seu único título de pilotos com Casey Stoner, faturando também a taça entre os construtores e a equipe nesta temporada.

Já em 2020 a Ducati ficou com o título de construtores, com duas vitórias e nove pódios. E em suas dezoito temporadas na MotoGP, a equipe italiana soma 160 pódios e 51 vitórias, a última com Danilo Petrucci no GP da França.

Ducati anuncia permanência na MotoGP até 2026
Petrucci (#9) e Dovizioso (#04) em ação pela Ducati em 2020. Para 2021 o primeiro acertou com a KTM, enquanto o segundo vai tirar um ano sabático (Divulgação)

Veja também:
Quem tem o melhor time para 2021 na MotoGP?
TT da Ilha de Man é cancelado pelo segundo ano seguido
Yamaha leva garotos ao mundial de superbikes

Para 2021, a Ducati contará com o australiano Jack Miller e o italiano Francesco Bagnaia em sua equipe oficial. Seus times satélites também terão novas caras: a Pramac Racing conta com o francês Johann Zarco e o espanhol Jorge Martin, enquanto a Esponsorama terá em suas motos os italianos Enea Bastianini e Luca Marini.

Ducati anuncia permanência na MotoGP até 2026
Jorge Martin sobe da Moto2 para a Pramac, time satélite da Ducati (Divulgação)

Com a palavra, os dirigentes

Claudio Domenicali, CEO da Ducati Motor Holding, destaca que a MotoGP possui papel fundamental para o desenvolvimento de novas tecnologias para as motos da fabricante italiana. “Correr sempre foi uma parte fundamental da nossa marca. Representa não só uma forma de alimentar a paixão e a alegria dos Ducatistas em todo o mundo, mas também é um avançado laboratório de pesquisa onde podemos testar os mais sofisticados materiais e os métodos de design mais inovadores”, comenta o executivo.

Ducati anuncia permanência na MotoGP até 2026
Carmelo Ezpeleta e Claudio Domenicali (Divulgação)

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Para Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna, a permanência da Ducati na MotoGP é motivo de orgulho. “Agradecemos por sua lealdade para conosco. Temos a honra de acompanhar este icônico fabricante italiano e estamos entusiasmados por poder compartilhar este novo episódio de sua história com duas jovens estrelas como Miller e Bagnaia. Seu talento e potencial serão um dos trunfos do campeonato que começa em breve”, destaca o dirigente.

MotoGP 2021 começa em março (se a pandemia deixar)

A temporada 2021 da MotoGP tem início previsto para 28 de março no Catar. Os testes de pré-temporada na Malásia que estavam marcados para fevereiro foram adiados em virtude da pandemia da Covid-19 e da situação de emergência no país asiático. Até o momento a sessão de treinos agendada para o Catar no início de março está confirmada.

Conteúdo Recomendado

Comentários