Card image
Competições
Dovizioso conquista 50ª vitória da Ducati na MotoGP

5 Minutos de leitura

  • Publicado: 17/08/2020
  • Por: Willian Teixeira

O italiano Andrea Dovizioso conquistou a vitória de número 50 da equipe Ducati na MotoGP em uma corrida conturbada na Áustria, marcada por um forte acidente envolvendo Franco Morbidelli e Johann Zarco.

Os pilotos de SRT e Avintia se tocaram em uma disputa por posição e caíram. Como estavam em alta velocidade, as motos dos dois seguiram em direção a curva seguinte e por muito pouco não atingiram Valentino Rossi, que disputava posição com Maverick Viñales. A bandeira vermelha precisou ser acionada por causa do acidente.

A vitória de Dovizioso foi a quinta consecutiva da Ducati no circuito austríaco, sendo a terceira do piloto da moto 04, e acontece no final de semana em que o italiano anunciou sua saída da equipe de Borgo Panigale no final da temporada. Completam o pódio do GP da Áustria Joan Mir, da Suzuki, e Jack Miller, da Pramac. O piloto espanhol superou o australiano nas últimas curvas, conquistando o primeiro pódio de sua carreira.

Dovizioso conquista 50ª vitória da Ducati na MotoGP
Após anunciar saída no final do ano, Dovizioso dá 50ª vitória da Ducati na MotoGP (Divulgaçao)

Na corrida da Moto2, que também precisou ter a bandeira vermelha acionada após Enea Bastianini sofrer uma queda e Hafizh Syahrin acertar sua moto, terminou com vitória de Jorge Martin. Já na Moto3, mais uma vitória de Albert Arenas. E você confere a cobertura completa do GP da Áustria em Racing Online.

50x Ducati na MotoGP

Presente na principal categoria do Mundial de Motovelocidade desde 2003, a Ducati obteve, até o momento, 155 pódios (sendo 136 com a equipe oficial e 19 com os times satélites) e 50 vitórias.

O primeiro pódio foi obtido já na corrida de estreia, o GP do Japão, com Capirossi em 3º. O italiano também foi o primeiro a vencer com a Ducati, no GP da Catalunha do mesmo ano. O único título ducatista na MotoGP foi conquistado em 2007, com Casey Stoner, que obteve 10 vitórias e 14 pódios na temporada.

Casey Stoner, único campeão da MotoGP pela Ducati (Divulgação)

Dovizioso, que anunciou sua saída da Ducati no final do ano e conquistou a vitória de número 50 da equipe, soma três vices (2017, 2018 e 2019). Sem Marc Márquez, ele é um dos postulantes ao título. Atualmente o italiano é vice-líder do campeonato, com 56 pontos, 11 a menos do que o líder, Fábio Quartararo.