Card image
Competições
Capacete de Ouro: conheça os vencedores das motos

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 19/11/2019
  • Atualizado: 20/11/2019 às 9:42
  • Por: Willian Teixeira

Na noite da última segunda-feira, 18 de novembro, RACING e MOTOCICLISMO promoveram a 23ª edição do Capacete de Ouro, principal prêmio do esporte a motor nacional.

A cerimônia, realizada no São Paulo Expo, na abertura do Salão Duas Rodas, em São Paulo (SP), contou com a presença de pilotos e diversas personalidades do automobilismo e do motociclismo brasileiro.

Capacete de Ouro 2019 premiou os melhores pilotos do ano

Pelo segundo ano consecutivo, a tradicional premiação contemplou pilotos de diversas categorias do motociclismo brasileiro. Pedro Rehn foi o primeiro a receber o troféu, na categoria Supermoto. “Agradeço a todos que votaram em mim. Obrigado a minha equipe, família e noiva por todo incentivo, sem eles nada disso seria possível”, destaca o jovem piloto.

Em seguida, Jetro Salazar recebeu o troféu de Motocross, primeira vez que o piloto conquista um Capacete de Ouro. “Quero ganhar outros. Foi um ano intenso e ganhar de adversários difíceis faz essa conquista muito mais especial.”, diz o equatoriano.

O terceiro da noite a receber o prêmio foi Bruno Crivilin, na categoria Enduro. O piloto conquistou o Capacete de Ouro pela segunda vez na carreira. “É uma honra receber um prêmio como esse, principalmente neste meu primeiro ano com a equipe Honda Racing. Muito obrigado a todos que participaram dessa votação”, agradece o atual campeão bicampeão brasileiro de enduro.

Bárbara Neves, indicada entre os melhores de enduro, recebeu um buquê de flores em homenagem pela sua garra, determinação e representatividade feminina no esporte. Ela é a atual bicampeã latino-americana da modalidade, além de conquistar o pódio no Enduro Internacional Feminino.

Já na categoria Rali, quem levou o Capacete de Ouro foi Tunico Maciel, atual bicampeão do Sertões “Minha equipe e eu fizemos um ano muito bom. Sem ela, nada disso seria possível. Estou muito feliz com esse prêmio, é também o meu primeiro e espero que não seja o último”, comenta o jovem piloto mineiro, que também é campeão brasileiro de Rally Cross-Country.

Eric Granado foi eleito o melhor do ano em Motovelocidade. O piloto, que estava na Espanha para as duas últimas corridas da temporada da MotoE, foi representado por sua mãe e sua irmã na cerimônia. Ele enviou um vídeo para agradecer por seu troféu. “Quero agradecer a vocês por votarem em mim. Não posso estar ai com vocês, mas estou de coração. Valeu!”, afirmou Granado em seu depoimento.

A cerimônia ainda homenageou outras duas personalidades do motociclismo brasileiro. O jovem Diogo Moreira, que vem se destacando na European Talent Cup, e foi representado na cerimônia por Cesar Barros, irmão de Alexandre Barros, e ganhou um Capacete de Ouro, assim como Rafael Paschoalin, que venceu em sua categoria a corrida de subida de montanha Pikes Peak, tornando-se o primeiro brasileiro a conseguir tal feito.

Após a entrega dos troféus dos pilotos das categorias de motociclismo, foi realizada a cerimônia para competidores das categorias de carros. Confira a cobertura completa no site da revista RACING.

Veja os vencedores do Capacete de Ouro nas categorias de motos:
Super Moto – Pedro Rehn
Motocross – Jetro Salazar
Enduro – Bruno Crivilin
Rali – Tunico Maciel
Motovelocidade – Eric Granado

Homenagens
Destaque internacional – Diogo Moreira
Homenagem Pikes Peak – Rafael Paschoalin