Card image
Competições
Brasileiro de Enduro FIM terá etapa em Paraopeba (MG)

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 26/07/2019
  • Atualizado: 29/07/2019 às 7:44
  • Por: Willian Teixeira

Próximo da reta final, o Brasileiro de Enduro FIM terá sua penúltima etapa disputada em Paraopeba, Minas Gerais, neste fim de semana. A cidade mineira, que fica a cerca de 100 quilômetros de Belo Horizonte, sediou o campeonato pela primeira vez em 2017 e volta a recebê-lo este ano.

O francês Romain Dumontier, da equipe Yamaha O2BH Racing, permanece na liderança das categorias E2 e Enduro GP. A segunda é destinada aos pilotos mais rápidos da competição e tem Bruno Crivilin na vice-liderança. O piloto da Honda Racing é o vencedor das últimas três etapas do campeonato e o atual 3º colocado da classe E1.

Romain Dumontier, líder das categorias E2 e Enduro GP (Rogerio Leite)

Veja também:
Toni Bou é campeão mundial de Trial outdoor pela 13ª vez
Husqvarna apresenta supermoto FS 450 2020
Pedro Rehn é 14º no Mundial de Supermoto, em Portugal

Crivilin faz uma temporada de recuperação, já que não participou da etapa de abertura por causa de uma lesão. “Os adversários prometem vir com tudo e, por isso, terei que impor um ritmo muito forte para sair com a vitória”, comenta o capixaba.

Bruno Crivilin_Idário Café/Mundo Press
Bruno Crivilin, vencedor das últimas três etapas (Idário Café / Mundo Press)

Quem lidera a E1, categoria para motos de até 250 cilindradas, é Júlio Ferreira, da Edgers Racing, que vai competir em casa. “Quero andar bem, com a torcida voltada pra mim. Será um ótimo final de semana, tem tudo pra dar certo. Espero manter a liderança  da E1 e ter um bom desempenho na classe Enduro GP”, comenta o piloto mineiro.

Líder da classe E1, Júlio Ferreira vai competir em casa (Rogério Leite)

A um passo do bicampeonato da classe EF, exclusiva para mulheres, Bárbara Neves só precisa largar na etapa final da categoria, marcada para setembro em Patrocínio (MG), para confirmar o título. Ela aproveitou a pausa na disputa feminina para acelerar com os homens pela categoria E4 Pro, para motos nacionais, com sua Honda CRF 250F.

“A etapa de Paraopeba não estava programada inicialmente no meu calendário, porque não tem a categoria EF. Assim como em Aracruz (ES), onde consegui um pódio junto com os meninos, será mais uma boa oportunidade para testar o meu nível técnico e um forte treino para as provas que vêm por aí”, explica Bárbara.

Bárbara Neves participa da disputa contra os homens na etapa de Paraopeba (Idário Café / Mundo Press)

A sexta etapa do Brasileiro de Enduro FIM já começa nesta sexta-feira, a partir das 19h30, com a disputa do Super Prime no Parque de Exposições da cidade. Trata-se de um especial para os pilotos da categoria Enduro GP, que engloba os mais rápidos das classes E1, E2, E3, EJ e E4 Pró. Eles vão disputar duelos em um percurso especial para o evento, e os dez melhores classificados vão receber um bônus de tempo para a etapa de sábado.

Nicolás Rodriguez, da E3, se recupera de uma fratura na tíbia e não participa da prova em Paraopeba (Idário Café / Mundo Press)

Já no sábado e no domingo, os competidores enfrentam as trilhas da região. A prova terá três voltas de 44 quilômetros por dia, incluindo três especiais cronometradas por volta. A primeira especial, o Cross Teste Honda, terá 3,5 km, ao lado da base do evento. A segunda especial será o Enduro Teste Husky, com 7 km de trilhas dentro de um reflorestamento de eucaliptos. Haverá subidas, descidas e trilhas características da região. A terceira e última especial, o Cross Teste Yamaha, também será no Parque de Exposições, com 4,5 km de trechos em pastos e em uma pista de motocross.

Além de ser válida pelo Brasileiro, a prova soma pontos para o Campeonato Mineiro da modalidade.