Card image
Competições
Bárbara Neves disputa Enduro em Portugal

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 16/10/2019
  • Atualizado: 16/10/2019 às 7:48
  • Por: Willian Teixeira

Após conquistar o bicampeonato latino-americano de Enduro feminino no Chile, Bárbara Neves está em Portugal pra disputar o Enduro Internacional Feminino, na cidade de Lousada, que fica a 350 quilômetros da capital Lisboa. A prova acontece neste domingo, a partir das 14h (horário de Brasília).

A piloto da Honda Racing participa da competição pela segunda vez. A primeira foi em 2016, quando ela concluiu a prova na terceira colocação. “Foi a minha primeira prova fora do país, e eu não tinha a experiência que tenho hoje. Neste ano, o nível técnico está bem elevado em relação a 2016. Só que eu também evoluí. A oportunidade será ótima para saber como estou em relação às pilotos da Europa”, comenta Bárbara, que também é a atual bicampeã brasileira de Enduro FIM e a primeira mulher a integrar o time oficial na história da Honda Racing Brasil.

Bárbara Neves disputa Enduro em Portugal
Bárbara Neves disputa Enduro Internacional Feminino pela segunda vez na carreira (Idário Café /Mundo Press)

Veja também:
Bárbara Neves é bicampeã latino-americana de Enduro

Conheça os campeões do Brasileiro de Enduro FIM 2019
MotoGP volta ao Brasil a partir de 2022

Ela lembra que o percurso será em um terreno com muitas pedras, assim como na região onde ela costuma treinar. “A questão é que está chovendo e aí tudo fica mais escorregadio, com lodo em cima. Ficará parecido com a região Sul do Brasil, mas eu não costumo andar muito por lá. Acredito que terei dificuldade devido a essas pedras lisas. Vou correr com a Honda CRF 250R, que é diferente da CRF 250F, que utilizo no Brasil”, destaca.

Bárbara Neves disputa Enduro em Portugal
A piloto vai correr com a moto Honda CRF 250R (F22 Pictures/Mundo Press)

Para encarar as três voltas em duas diferentes especiais, Bárbara treinará nesta semana com o português Pedro Bianchi Prata, piloto que tem 28 anos de experiência, nove participações no Dakar, oito títulos nacionais e cinco europeus. “Estou bastante empolgada com todas essas oportunidades. Sei que a responsabilidade é maior depois do título latino-americano, mas estou confiante e farei o meu melhor”, finaliza Bárbara.