Card image
Competições
Após férias, MotoGP volta na República Tcheca

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 02/08/2019
  • Atualizado: 02/08/2019 às 9:23
  • Por: Willian Teixeira

O Mundial de Motovelocidade está de volta! Após um mês de férias, o campeonato será retomado neste final de semana com o GP da República Tcheca, em Brno. A prova marca a abertura da segunda metade da temporada 2019 da Moto3, Moto2 e da MotoGP.

A pista em Brno foi inaugurada em 1987, e desde então sediou etapas do Mundial de Motovelocidade todos os anos, exceto em 1992. Ela também é a única do calendário que não sofreu modificações em seu traçado desde sua abertura.

Em 2016, corrida foi disputada com chuva pela única vez na história (Divulgação/Ducati)

Veja também:
MotoGP: Lorenzo segue fora por causa de acidente na Holanda
Nova Yamaha YZF-R3 chega ao Brasil em agosto
Ducati 916 faz 25 anos e recebe homenagem

O circuito teve apenas uma prova com chuva em toda a sua história, disputada em 2016. Os pilotos da MotoGP freiam 11 vezes, para um total de 31 segundos por volta. A área de frenagem mais desafiadora coincide com a curva 10: eles entram nela com suas motos em torno de 280 km/h, freiam por 4,2 segundos até que alcancem 100 km/h, aplicando 6,2 kg na alavanca do freio.

O recorde de velocidade da pista tcheca pertence a Andrea Iannone, que estabeleceu a marca em 2015 pilotando uma Ducati. O italiano atingiu 316,4 km/h em Brno.

Andrea Ianonne, recordista de velocidade em Brno (Divulgação/Ducati)

A equipe de Borgo Panigale tem três vitórias no circuito, em 2006 com Loris Capirossi, 2007 com Casey Stoner e em 2018, com Andrea Dovizioso, que é o atual vice-líder da temporada, com 127 pontos. O italiano tem 62 pontos a menos do que o líder, Marc Márquez, da Repsol Honda Team. Ano passado o espanhol terminou a prova em 3º. Clique aqui e veja como foi a chegada da prova em 2018.

Dovizioso é o atual vencedor do GP da República Tcheca (Divulgação/Ducati)

Na era da MotoGP, Valentino Rossi é o maior vencedor do GP da República Tcheca, com 4 vitórias. Na sequência aparecem Marc Márquez, Dani Pedrosa, Jorge Lorenzo e Casey Stoner, com duas vitórias. O “Doutor” também lidera a quantidade de pódios, com nove conquistados em 16 corridas na pista tcheca.

Marc Márquez, líder da temporada da MotoGP (Divulgação/Repsol Honda Team)

A Honda é a fabricante com mais vitórias no GP da República Tcheca, com oito primeiros lugares. A Yamaha vem em seguida, com cinco vitórias, e a Ducati tem três conquistas no circuito de Brno.

Na era da MotoGP, Marc Márquez e Valentino Rossi possuem três poles cada. Será que esse ano o espanhol consegue superar o italiano? Ou vem surpresa por ai?

Valentino Rossi foi ao pódio nove vezes em Brno (Divulgação/Yamaha)

Quem será que leva a melhor? E o campeonato, será que já está definido? Pra quem vai sua torcida? Conta pra gente nos comentários!